Blog

Empreendedorismo

Os 8 elementos-chave para aumentar o nível de confiança nas empresas

- Por Jonathan Lamim

Quanto maior o nível de confiança entre as pessoas dentro de uma empresa, maior será a produtividade, afirma o neuroeconomista americano Paul Zak.

Após diversas pesquisas, Paul identificou 8 elementos-chave para aumentar o nível de confiança nas empresas, e esses oito elementos estão ligados à ocitocina.

 

O que é a ocitocina?

A ocitocina, ou oxitocinona, é um hormônio natural do nosso organismo e é produzida pelo hipotálamo.

Ocitocina

Ela tem algumas funções bem interessantes no nosso organismo:

  • provoca contrações musculares uterinas durante o trabalho de parto
  • diminui o sangramento durante o parto
  • estimula a liberação de leite materno
  • produz um aparte do prazer do orgasmo, tanto feminino quanto masculino
  • influencia no bem estar social

Por tudo o que a ocitocina produz no organismo, Paul realizou diversas pesquisas e chegou à conclusão de que existe uma correlação entre a ocitocina e as relações de confiança entre as pessoas.

Quanto maiores os níveis de ocitocina no cérebro, maior a empatia e a disposição de as pessoas se ajudarem.

A partir dessas pesquisas, que ocorreram tanto em laboratórios como dentro de diversas empresas e até em uma tribo em Papua Nova Guiné, Paul chegou aos 8 elementos-chave para aumentar o nível de confiança nas empresas.

A confiança gera lucro. – Paul Zak

 

Os 8 elementos-chave

A partir desses 8 elementos-chave, Paul chegou a alguns resultados muito interessantes em suas pesquisas nas empresas:

  • 74% menos estresse
  • 50% mais produtividade
  • 76% mais engajamento
  • 56% mais satisfação pelo próprio trabalho

 

Reconhecimento

Reconhecer as pessoas por suas realizações e agradecê-las por suas contribuições.

Expectativa

Ser claro com as pessoas, principalmente em se tratando de objetivos e metas, sempre dar feedback e realizar mensuração de resultados.

Iniciativa

Encorajar as pessoas e tratar os erros como uma oportunidade para aprender algo novo, além apoiá-las sempre a apontar novas abordagens.

Transferência

Identificar e aproveitar os talentos e habilidades das pessoas dando a elas os recursos para que possam realizar o melhor trabalho.

Abertura

Dar a oportunidade para que as pessoas possam ser transparentes e se sintam confortáveis em compartilhar ideias e informações.

Cuidado

Dar atenção às pessoas, colaborar com elas e buscar sempre um relacionamento de qualidade.

Desenvolvimento

Proporcionar às pessoas oportunidade de se desenvolverem profissional e intelectualmente para que isso retorne para a empresa na forma de resultado no trabalho de cada um.

Integridade

Pedir ajuda, se comportar de forma natural, sabendo que haverão vulnerabilidades e erros.

Ao colocar em prática esses 8 elementos-chave, a chance da empresa obter os resultados apresentados acima se torna real.

 

A confiança gera lucro

Em uma de suas pesquisas, Paul identificou que em empresas onde o nível de confiança é grande, os lucros também são.

Ao realizar um estudo com 300 grandes empresas nos Estados Unidos, ele identificou que ao aumentar o nível de confiança dentro da empresa é possível ter um aumento de 10.000 dólares por ano na receita gerada por cada funcionário.

Se na empresa existem 1000 funcionários e você aumentar o nível de confiança entre eles e a empresa, será possível obter um retorno de 1 milhão de dólares.

 

Qual decisão você toma?

Agora que você sabe o que a confiança pode fazer pelo bem da sua empresa, qual a decisão você toma?

Vai continuar como está ou vai medir o nível de confiança entre os funcionários e a empresa e trabalhar para colocar esse nível no mais alto grau?

Tem poder quem age, e mais poder ainda quem age certo. – Paulo Vieira

Compartilhe na sua rede
  • 6
    Shares

Comentários