No primeiro artigo da série Fatores de Rankeamento do Google falei sobre Sinais Sociais, e dando sequência vou falar nesse artigo sobre Domínio.

Quando falamos de domínio estamos lidando com a porta de entrada para qualquer site na internet. Se você não possui um domínio, seja ele próprio ou não, você não será encontrado nem pelos motores de busca.

Um domínio pode dizer muito sobre o site aos motores de busca, e a seguir você verá alguns fatores dos fatores de rankeamento do Google relacionados ao domínio.

Idade do Domínio

Matt Cutts afirma que “a diferença entre um domínio com 6 meses e outro com um ano não é realmente tão grande”.

Mas olhando uma pesquisa feita pelo SERPIQ é possível perceber que domínios mais novos possuem menos conteúdo do que domínios mais antigos.

Fatores de Rankeamento do Google - Volume de conteúdo por tempo de domínio
Volume de Conteúdo por tempo de domínio

Tudo bem que idade não quer dizer que necessariamente haverá mais conteúdo e mais acessos, mas é um indicador de atenção para o Google.

Tempo de expiração do domínio

A patente do Google “Information Retrieval Based on Historical Data” de 31/03/2005 diz o seguinte:

“Valuable (legitimate) domains are often paid for several years in advance, while doorway (illegitimate) domains rarely are used for more than a year. Therefore, the date when a domain expires in the future can be used as a factor in predicting the legitimacy of a domain.”

Em linhas gerais ela quer dizer que domínios legítimos são registrados para uso por longos anos e que domínios registrados para apenas 1 ano pode ter sua legitimidade questionada.

Essa questão da legitimidade se dá pelo fato de spammers registrarem domínios para uso por apenas um ano, e fazerem isso com um grande volume de domínios.

O Google não dará relevância para domínios de spammers, então na hora de você renovar seu domínio ou mesmo registrar um novo, pense na possibilidade de registrá-lo por mais de 1 ano.

A palavra-chave no domínio

Atualmente a palavra-chave como parte do domínio não o mesmo impulso que antes, mas continua atuando como um sinal de relevância.

Se ela estiver no início do domínio, ela ganha um pouco mais de relevância em relação aos sites que não possuem a palavra-chave no domínio.

Top Level Domain (TLD)

TLD ou domínio de nível superior é a terminação do domínio e pode variar para gTLD e ccTLD.

O TLD aplica-se a terminações como .net, .com, .org, .br entre outras.

Os ccTLD são os domínios utilizados para identificar os países, como .br (Brasil), .pt (Portugal), .uk (Reino Unido) entre outros.

Quando você tem o domínio registrado com a identificação do país de origem, no caso um domínio ccTLD, você aumenta sua relevância nas buscas que estão sendo realizadas para a região.

 

Esse fatores de rankeamento do Google podem parecer simples, mas quando são analisados juntos de outros fatores ganham um poder imenso e esse poder pode levar ao topo dos resultados de busca como também pode levar para as últimas páginas.

Ao registrar um domínio, pense bem no tempo de registro, palavra-chave e TLD, pois esses pequenos detalhes podem fazer toda a diferença na hora da concorrência por um posicionamento melhor entre os resultados de uma busca.

Gostou desse artigo? Então não deixe de compartilhar com seus amigos nas redes sociais.